Follow by Email

sábado, 16 de junho de 2012

Os canibais são contra a Antropofagia? (The cannibals are against Cannibalism?)



O canibalismo é um tipo de relação ecológica em que certas espécies de animais se alimentam de indivíduos da mesma espécie. Segundo alguns investigadores, essa prática terá resultado da evolução das espécies, com o objetivo de eliminar os indivíduos menos aptos, por exemplo, provenientes de uma ninhada em que alguns filhotes saem dos ovos defeituosos ou imaturos..

O movimento cultural brasileiro denominado de Antropofagia tem influência do marxismo e da arte realista mexicana. A antropofagia foi uma saída para o problema de identidade brasileiro e mesmo como antídoto contra o imperialismo. Aprofundando a ideologia da Poesia Pau-Brasil, que desejava criar uma poesia de exportação, o movimento antropofágico brasileiro tinha por objetivo a deglutição (daí o caráter metafórico da palavra "antropofágico") da cultura do outro externo, como a norte americana e europeia e do outro interno, a cultura dos ameríndios, dos afrodescendentes, dos euros descendentes, dos descendentes de orientais, ou seja, não se deve negar a cultura estrangeira, mas ela não deve ser imitada. Foi certamente um dos marcos do modernismo brasileiro.

Por que motivos, eu venho escrever sobre isto?

Ontem revi o maravilhoso filme “Silencio dos Inocentes” .O enredo uma jovem agente do FBI escalada para entrevistar um criminoso psicótico, inteligente e violento, com a intenção de capturar um serial killer que está solto, matando mulheres.O assassino sequestra a filha de uma senadora e com isso, todo o aparato policial é mobilizado para sua captura.Para fazer o perfil psicológico do sequestrador a agente do FBI serve-se de um psicopata, Hannibal Lecter, condenado à prisão perpétua por nove assassinatos e detido há mais de oito anos.Tem início um jogo de pistas e enigmas que elevam a tensão do filme, onde Hannibal, um ex-psiquiatra que se tornara canibal, consegue engendrar uma espetacular fuga.

O filme me lembrou da reunião da Rio + 20 com chefes de estados discutindo sustentabilidade. Traçando um paralelo temos as transnacionais no papel do serial killer,o Dr Chilton como os chefes ou representantes de estados e a agente do FBI como as organizações ecológicas , a filha da senadora é o efeito da atividade humana sobre o meio ambiente.Hannibal Lecter é a ação da natureza sobre o planeta terra.

No filme em questão tudo termina bem. Porém a ultima cena filme mostra o Hannibal Lecter livre parabenizando pelo telefone a agente do FBI nas ruas do Haiti, indo atrás do Dr. Chilton(seu analista psicológico na prisão).



Cannibalism is a kind of ecological relationship in which certain species of animals feed on individuals of the same species. According to some researchers, this practice will have a result of evolution of species, with the goal of eliminating individuals less able, for example, from a litter in which some puppies come out of bad eggs or immature.

The Brazilian cultural movement called Anthropophagic has influence of Marxism and realistic art Mexican. Cannibalism was an outlet for the Brazilian identity problem and even as an antidote against imperialism. Deepening the ideology of Pau-Brazil Poetry, who wished to create a poetry of export, the Anthropophagic Movement Brazilian focused on swallowing (hence the metaphorical character of the word "English") the culture of other external, as the North American and European and another inmate, the culture of native Americans, afro-descendants, of euro- descendants, descendant of Eastern, i.e. one should not deny the foreign culture but she should not be imitated. It was certainly one of the landmarks of Brazilian modernism.

Why, I've been writing about this?

Yesterday I reviewed the wonderful film "Silence of the lambs”. The plot a young FBI agent climbing to interview a psychotic criminal, intelligent and violent, with the intention to capture a serial killer that is loose, killing women. The killer kidnaps the daughter of a Senator and with this, the entire police apparatus is mobilized for his capture. To make the psychological profile of the hijacker the FBI agent serves a psychopath, Hannibal Lecter, sentenced to life imprisonment for nine murders and detained for more than eight years. Begins a game of clues and riddles that increase the tension of the film, where Hannibal, an ex-Cannibal, who had become unable to engender a spectacular escape.

The film reminded me of the meeting of the Rio + 20 with heads of States discussing sustainability. Drawing a parallel we have the transnational role of serial killer, Dr Chilton as the heads or representatives of States and the FBI agent as ecological organizations, the daughter of Senator is the effect of human activity on the environment. Hannibal Lecter is the action of nature on the planet Earth.

In the film in question everything ends well. However, the last scene shows the Hannibal Lecter film free congratulating by phone the FBI agent on the streets of Haiti, going behind the Dr. Chilton (your psychological analyst in prison).

Nenhum comentário:

Postar um comentário