Follow by Email

segunda-feira, 9 de abril de 2012

Diminui o diferencial entre o preço do café arábica e robusta (Decreases the differential between the price of Arabica and robusta)



Com os preços do café arábica em queda e as cotações do robusta na direção inversa, o diferencial de valor entre as duas variedades - normalmente, favorável ao arábica, de melhor qualidade - registrou uma queda expressiva no último mês.

O spread entre o arábica e o robusta encolheu 14,8% no período, levando-se em consideração os preços praticados nos contratos de segunda posição nos mercados futuros de Nova York e Londres, respectivamente.
No fechamento de ontem, o grão arábica estava 96,56 centavos de dólar por libra-peso mais caro que o robusta, diferença que era de US$ 1,1334 um mês antes.

O estreitamento entre os dois mercados reflete a retração das vendas por parte dos produtores vietnamitas de robusta e, na contramão, o aumento das vendas de café arábica do Brasil, em antecipação a uma colheita que promete ser recorde.

Mas este movimento tende a perder força a tendência à convergência deve desacelerar nos próximos meses, à medida que a queda nos preços do arábica estimular a demanda pela variedade e os riscos climáticos à produção do Brasil e da Colômbia se intensificarem no inverno.

Na outra ponta, os produtores vietnamitas devem aumentar suas vendas, pressionando para baixo as cotações do robusta. No próximo mês, também começa a entrar no mercado internacional a colheita de robusta da Indonésia, outro fator de pressão sobre os preços internacionais da variedade. Desse modo, o diferencial entre os dois tipos de café poderia crescer novamente, com o arábica ficando relativamente mais caro que o robusta.

A postura menos resistente do produtor do Vietnã, a demanda já não é mais tão ativa, principalmente em função da chegada da primavera no Hemisfério Norte, período em que o consumo de café diminui.

Ontem, os contratos de arábica com vencimento em julho subiram 845 pontos, a US$ 1,8985 a libra-peso, no mercado nova-iorquino. Já na bolsa de Londres, os contratos de robusta de mesma posição tiveram valorização de US$ 42, cotados a US$ 2.051 a tonelada.



With prices for Arabica coffee in the fall and the prices of robusta in the reverse direction, the difference in value between the two varieties-Arabica, typically in favors of better quality-recorded a significant drop in the last month.

The spread between the Arabian and the robust 14.8% in the period shrank by taking into consideration the prices on contracts for second position in the futures markets of New York and London, respectively.

At the close of yesterday, the Arabica bean was 96.56 cents per pound weight more expensive than the robusta, difference that was US$ 1,1334 a month before

The narrowing between the two markets reflects the retraction of sales by Vietnamese producers of robusta and, against the grain, increased sales of Arabica coffee from Brazil, in anticipation of a crop that promises to be a record.

But this move tends to fade the trend toward convergence must slow down in the coming months, as the decline in Arabica prices spur demand for variety and climate risk to production of Brazil and Colombia intensifies in winter.

At the other end, the Vietnamese producers are expected to increase their sales, pushing down the prices of robusta. Next month, also begins to enter the international market to Indonesia's robust harvest, another factor of pressure on prices of international variety. Thus, the difference between the two types of coffee could grow again, with the relatively more expensive than Arabica and the robusta.

Lay less resistant of the producer of Viet Nam, the demand is no longer as active, mainly depending on the arrival of spring in the northern hemisphere, the period in which the coffee consumption decreases.

Yesterday, the Arabian contracts maturing in July soared to $ 845 points, US$ 1,8985 the pound weight on the market New Yorker. Already on the London Stock Exchange, the robust contracts the same heading had appreciation of US$ 42, quoted at US$ 2,051 ton.

(Fonte :CaféPoint)

Nenhum comentário:

Postar um comentário