Follow by Email

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Ser normal numa sociedade doente não é sinal de sanidade mental (Be normal in a sick society isn’t sign of sanity)



Nosso modelo de sociedade de consumo enfatiza algumas doenças que caracteriza o século XXI.

Os distúrbios alimentares. Com a incrível oferta de alimentos de todos os tipos gera um impacto negativo na sociedade. Temos o problema em duas pontas a da obesidade mórbida e da anorexia convivendo harmoniosamente junto as populações humanas. Entre os principais fatores se encontram os genéticos, ambientais e os psicológicos. A origem de ambos os problemas advém de hábitos alimentares e sociais adquiridos na infância.

O cancro é uma doença que tem origem genética e ambiental. Os fatores genéticos são responsáveis por no máximo 10% dos casos de cancro e os ambientais são responsáveis por 95 % dos tipos de cancros humanos. O alcoolismo, obesidade e o tabagismo são os principais fatores ambientais para o desenvolvimento do cancro.

A depressão é uma doença pós-moderna. É gerada basicamente por influencia ambiental. O consumo em excesso de drogas e álcool, profissão com alto grau de stress, problemas familiares, problemas financeiros e incapacidade de lidar com determinadas situações da vida são as principais causas da depressão.



Estas 3 doenças são milenares, porém com o aumento do tempo de vida humana elas são mais evidentes hoje em dia do que no passado. Todas as 3 estão ligadas ao modelo de vida humano que se fundamenta no consumo de massa de produtos em larga escala pela sociedade.

O alcoolismo e o tabagismo são estimulados pelas campanhas publicidades das grandes empresas do setor. A obesidade é suas consequências como a diabetes tem origem no consumo de massa de produtos industrializados.

Nossa satisfação pessoal é conquistada pelo o que temos e não pelo o que somos. Por mais ricos e poderosos que podemos ser nunca teremos tudo que desejarmos e por consequência nunca seremos realizados por que não aceitamos ser o que somos independentes de nosso poder financeiro.

Isto me lembra duma piada:




O sujeito, muito esquisito, vai ao psiquiatra.
- Doutor, doutor! O meu problema é que eu acho que sou um gato!
- Há quanto tempo você vem pensando isso? - pergunta o psiquiatra.
- Ah, desde que eu era um filhote!

Our model of consumer society emphasizes some diseases that characterize the 21ST century.

It’s eating disorders. With the amazing offer of food of all kinds generates a negative impact on society. We have the problem on both ends of morbid obesity and anorexia living harmoniously among human populations. Among the main factors are the environmental, genetic and psychological. The origin of both the problems comes from social and eating habits acquired in childhood.




Cancer is a disease that has environmental and genetic origin. Genetic factors are responsible for more than 10% of cases of cancer and the environment are responsible for 95% of the types of human cancers. Alcoholism, obesity and smoking are the main environmental factors for the development of cancer.

Depression is a postmodern disease. It’s generated primarily by environmental influences. The excess consumption of drugs and alcohol, profession with a high degree of stress, family problems, financial problems and inability to cope with certain situations of life are the main causes of depression.

These 3 diseases are millenarian but with increased human lifetime they are more evident today than in the past. All 3 are linked to the model of human life that is based on mass consumption of large-scale products by society.



Alcoholism and smoking are stimulated by large companies ' advertising campaigns in the industry. Obesity is its consequences as diabetes has origin in mass consumption of industrialized products

Our personal satisfaction is conquered by what we have and not by what we are. By the richest and most powerful that we can be never have everything they want and therefore we will never be made why we do not accept being what we are independent of our financial power

This reminds me of a joke:



The subject, very weird, goes to a psychiatrist.

-Doctor, doctor! My problem is that I think I'm a cat!

-How long you have been thinking about this?

-asks the psychiatrist.

-Ah, since I was a cub!

Vamos beber um café (Let’s drink a coffee)?



45 ml de café espresso / 45 ml espresso coffee

Canela em pó / powder cinnamon

15 ml chantilly /15 ml whipped cream

Um espresso curto com chantilly decorando a xícara e pulverizar a canela por cima do creme.

A short espresso with whipped cream decorating the cup and spray the cinnamon over cream.



Nenhum comentário:

Postar um comentário