Follow by Email

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Obesidade (Obesity)



Denomina-se obesidade uma enfermidade caracterizada pelo acúmulo excessivo de gordura corporal, associada a problemas de saúde, ou seja, que traz prejuízos à saúde do indivíduo.

O organismo humano é o resultado de diferentes interações entre o seu patrimônio genético (herdado de seus pais e familiares), o ambiente socioeconômico, cultural e educativo e o seu ambiente individual e familiar. Assim, filhos com ambos os pais obesos apresentam alto risco de obesidade, bem como determinadas mudanças sociais estimulam o aumento de peso em todo um grupo de pessoas.

O ganho de peso está sempre associado a um aumento de o consumo alimentar e a uma redução do gasto energético correspondente a essa ingestão. O aumento da ingestão pode ser decorrente da quantidade de alimentos ingeridos ou de modificações de sua qualidade, resultando numa ingestão calórica total aumentada. O gasto energético, por sua vez, pode estar associado a características genéticas ou ser dependente de uma série de fatores clínicos e endócrinos, incluindo doenças nas quais a obesidade é decorrente de distúrbios hormonais.

Pacientes obesos apresentam limitações de movimento, tendem a ser contaminados com fungos e outras infecções de pele em suas dobras de gordura, com diversas complicações, podendo ser algumas vezes graves. Além disso, sobrecarregam sua coluna e membros inferiores, apresentando a longo prazo degenerações (artroses) de articulações da coluna, quadril, joelhos e tornozelos, além de doença varicosa superficial e profunda (varizes) com úlceras de repetição e erisipela.





Doenças/ Diseases

Distúrbios/ Disturbances


Hipertensão arterial/ Arterial hypertension

Distúrbios lipídicos / Lipid disorders


Doenças cardiovasculares/ Cardiovascular diseases

Hipercolesterolemia / Hypercholesterolemia


Doenças cérebro-vasculares/ Brain-vascular diseases

Diminuição de HDL ("colesterol bom") / Hypercholesterolemia


Diabetes Mellitus tipo II / Diabetes Mellitus type II

Aumento da insulina / Increased insulin


Câncer / Cancer

Intolerância à glicose / Glucose intolerance


Osteoartrite / Osteoarthritis

Distúrbios menstruais e Infertilidade / Menstrual disorders and Infertility


Coledocolitíase / Choledocholithiasis

Apnéia do sono / Sleep apnea




A forma mais amplamente recomendada para avaliação do peso corporal em adultos é o IMC (índice de massa corporal), recomendado inclusive pela Organização Mundial da Saúde. Esse índice é calculado dividindo-se o peso do paciente em kilogramas (Kg) pela sua altura em metros elevada ao quadrado (quadrado de sua altura)



IMC ( kg/m2)

Grau de Risco / Degree of risk

Tipo de obesidade / Type of obesity


18 a 24,9

Peso saudável / Healthy weight

Ausente / Missing


25 a 29,9

Moderado / Moderated

Sobrepeso ( Pré-Obesidade ) / Overweight (Pre-Obesity)


30 a 34,9

Alto / High

Obesidade Grau I / Obesity Grade I


35 a 39,9

Muito Alto / Very High

Obesidade Grau II / Obesity Grade II


40 ou mais

Extremo / Extreme

Obesidade Grau III ("Mórbida") / Obesity Grade III ("Morbid")




Obesidade apresenta ainda algumas características que são importantes para a repercussão de seus riscos, dependendo do segmento corporal no qual há predominância da deposição gordurosa, sendo classificada em:

Obesidade Difusa ou Generalizada

Obesidade Andróide ou Troncular (ou Centrípeta), na qual o paciente apresenta uma forma corporal tendendo a maçã. Está associada com maior deposição de gordura visceral e se relaciona intensamente com alto risco de doenças metabólicas e cardiovasculares (Síndrome Plurimetabólica)

Obesidade Ginecóide, na qual a deposição de gordura predomina ao nível do quadril, fazendo com que o paciente apresente uma forma corporal semelhante a uma pêra. Está associada a um risco maior de artrose e varizes.


Índice denominado Relação Cintura-Quadril, que é obtido pela divisão da circunferência da cintura abdominal pela circunferência do quadril do paciente.



Fator de Risco / Risk factor

Risco Muito Aumentado/ Increased Risk


Homem /Man

94 cm

102 cm


Mulher / Woman

80 cm

88 cm




Independente do tratamento proposto, a reeducação alimentar é fundamental, uma vez que, através dela, reduziremos a ingestão calórica total e o ganho calórico decorrente. Esse procedimento pode necessitar de suporte emocional ou social, através de tratamentos específicos (psicoterapia individual, em grupo ou familiar).


It’s obesity a disease characterized by excessive accumulation of body fat, associated with health problems, i.e. which brings harm to the health of an individual.
The human body is the result of different interactions between your genetic heritage (inherited from their parents and relatives), the socioeconomic, cultural and educational environment and your individual and family environment. Thus, obese children with both parents present a high risk of obesity, as well as certain social changes stimulate weight gain around a group of people.
Weight gain is always associated with an increase in food consumption and a reduction of energy expenditure corresponding to this intake. The increased intake can be due to the amount of food ingested or modifications of its quality, resulting in a total caloric intake increased. The energy expenditure, in turn, can be associated with genetic traits or be dependent on a number of factors, including clinical and endocrine diseases in which obesity is caused by hormonal disturbances.



Obese patients’ present limitations of movement tend to be contaminated with fungi and other skin infections in his fat folds, with several complications, which may be serious sometimes. In addition, overwhelm your spine and lower limbs, showing the long-term spinocerebellar (arthrosis) joints of the spine, hips, knees and ankles and varicose disease, superficial and deep (varicose veins) with repeating ulcers and Erysipelas.

The most widely recommended for evaluation of body weight in adults is the BMI (body mass index), recommended even by the World Health Organization. This index is calculated by dividing the patient's weight in kilograms (Kg) by its height in meters squared (square of your height).

Obesity also presents a few features that are important to the repercussion of their risks, depending on the body segment in which there is predominance of fatty deposition, being classified in:

Obesity Widespread or Diffuse

Android obesity or Troncular (or Centripetal), in which the patient has a body shape tends to Apple. Is associated with increased visceral fat deposition and relate intensely with high risk of cardiovascular and metabolic diseases (Plurimetabólica Syndrome)

Obesity Ginecóide, in which the fat deposition predominates at the level of the hips, causing the patient presents a body shape similar to a PEAR. It’s associated with an increased risk of arthrosis and varicose veins.

Waist-Hip Ratio named index, which is obtained by dividing the circumference of the abdominal waist by hip circumference of the patient.

Regardless of the proposed treatment, reeducation of eating habits is critical, since, through it, we should reduce the total caloric intake and calorie gain arising. This procedure may require emotional support or social, through specific treatments (individual psychotherapy, group or family).


Nenhum comentário:

Postar um comentário