Follow by Email

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Quanto mais normal é uma sociedade, mais insanos são seus cidadãos! (The more normal is a society, more insane are its citizens)




A sociedade contemporânea tenta solucionar problemas milenares através da tecnologia de ponta.

Nosso único é inexorável problema é como evitar a morte. A espécie humana desde que se tornou a espécie dominante do planeta nunca aceitou muito bem que a vida é exaurível. Desde época da construção das pirâmides tentamos ser imortais como o sol e a lua que iluminam nossos dias e noites. Afinal nunca veremos o sol se tornar uma anã branca e muito menos veremos a lua se distanciar cada vez da terra até não exercer mais sua influencia sobre as marés oceânicas.

Nossa tecnológica nossa possibilitará que escolhamos o sexo, cor de cabelo, cor de pele e outros fenótipos aceitáveis nas sociedades ocidentais. A civilização humana vai realizar finalmente o processo de eugenia sem os crimes que cometemos no passado.



Será?

Estaremos assassinando o que a natureza tem de melhor a imponderabilidade do acaso. Uma coisa é desenvolver uma biotecnologia para diminuir as doenças de origem genética e outra totalmente desenvolver um mercado para escolha de cor de pele, sexo ou uma capacidade qualquer que seja definida pelos genes.

Vamos produzir seres humanos transgênicos?

A pergunta que fica é apenas uma:

Qual será o grau de loucura que este novo homem terá dentro de sua normalidade transgênica?



Isto me lembra de uma piada:

Na aula de pintura, o já tradicional doido pegou o pincel e pintou uma porta na parede. Depois, chegou para o médico e disse: Ei eh, olha só o que eu vou fazer... EI GALERA, VAMOS FUGIR, TEM UMA PORTA AQUI!!!

Os doidos iam correndo, trombavam na parede e esborrachava no chão, o médico pensou: Esse aí já deve estar bom, olha só o que ele fez. Aí o doido disse:

-Doutor, olha como esses caras são burros, não sabem que a chave está comigo.





Contemporary society tries to solve problems of millenarian through cutting-edge technology.

Our only problem is how to avoid is inexorable death. The human species since becoming the dominant species of the planet never accepted very well that life has an end. Since the time of construction of the pyramids we try to be immortal like the Sun and the Moon that illuminate our days and nights. After all we will ever see the Sun becomes a white dwarf and much less will the Moon ever distance itself from the ground up not exert more influence over the tides.

Our technology our will enable choose sex, hair color, skin color and other phenotypes acceptable in Western societies. Human civilization will be finally the process of eugenics without the crimes they had committed in the past.

Will Be?



We'll be murdering what nature at its best the weightlessness of chance. One thing is to develop a biotechnology to decrease the diseases of genetic origin and another fully develop a market to choose skin color, sex or whatever capacity defined by the genes.

Let's produce transgenic humans?

The question that remains is only one: what will be the degree of insanity that this new man will have within its genetic normality?

This reminds me of a joke:

In painting, the already traditional mad picked up the brush and painted a door on the wall. Then came to the doctor and said, Hey… Hey, looks just what I'll do. .. HEY GUYS, LET'S RUN AWAY, HAS A PORT HERE!!!

The mad went running, if at odds against the wall and fall on the floor, the doctor thought that there should already be good, look at what he did. The mad said:

-Doctor, it looks like these guys are asses, don't know that the key is me.

Vamos tomar um café? (Let’s drink a coffee?)



30 ml de gelo picado /30 ml of crushed ice

30 ml de xarope de laranja / 30 ml Orange syrup

30 ml de licor de laranja / 30 ml orange liqueur

15 ml de vodka / 15 ml vodka

90 ml de café espresso / 90ml espresso coffee

45 ml de creme de leite batido / 45 ml whipped cream

1 fatia redonda fina de laranja /1 slice thin round Orange

Colocar os ingredientes na ordem sem mexer. Decorar a borda da taça irlandesa com a fatia de laranja.

Put the ingredients in the order without moving. Decorate the edge of the Irish Cup with a slice of Orange.


Nenhum comentário:

Postar um comentário