Follow by Email

terça-feira, 30 de agosto de 2011

Cafeína e desempenho nos esportes (Caffeine and performance in sports)



Mecanismos de ação

Até recentemente, efeitos do abuso da cafeína foram avaliados por ser devido à capacidade da cafeína para aumentar os níveis de ácidos graxos livres no corpo, que ajuda músculo armazenarem o glicogênio como ácidos graxos que são utilizados para a energia na circulação. No entanto, vários outros mecanismos estão agora sob investigação.

Cafeína pode aumentar a produção de adrenalina

Em esportes de resistência, pesquisa recente concluiu que cafeína afeta o desempenho de resistência através de um caminho que leva a um aumento da produção de adrenalina, que estimula a produção de energia e melhora o fluxo sanguíneo para os músculos e o coração. Cafeína pode modular fadiga e influenciar as classificações de esforço, a dor e níveis de energia, que são susceptíveis a melhorias no desempenho.

Efeitos da cafeína sobre exercício anaeróbico

Um estudo recente concluiu que teorias atuais não mostram totalmente o efeito da cafeína em exercício anaeróbico a curto prazo. Com mais estudos estão sendo desenvolvidos, afigura-se que os mecanismos por trás os efeitos da cafeína sobre exercício aeróbico e anaeróbico parecem estar se movendo na mesma direção. Investigação até agora aponta para o antagonista de adenosina (um caminho que leva a um aumento da produção de adrenalina, que estimula a produção de energia e melhora o fluxo sanguíneo para os músculos e coração) como o mecanismo mais provável atrás de efeitos da cafeína



Sports performance

Potential mechanisms

Until recently, caffeine’s ergogenic effects were thought to be due to caffeine’s ability to increase levels of circulating free fatty acids in the body, which helps spare muscle glycogen stores as the fatty acids are used for energy. However, several other mechanisms are now under investigation.

Caffeine may increase adrenalin production in endurance sports

Recent research has concluded that caffeine affects endurance performance via a pathway that leads to an increased production of adrenalin, which stimulates energy production and improves blood flow to the muscles and the heart. Caffeine may modulate fatigue and influence ratings of exertion, perceived pain and energy levels, all of which are likely to lead to improvements in performance.

Caffeine’s effects on anaerobic exercise still under investigation

A recent review has concluded that current theories do not wholly account for caffeine’s effect on short-term anaerobic exercise.

As more studies are carried out, it appears that the mechanisms behind the effects of caffeine on both aerobic and anaerobic exercise seem to be moving in the same direction. Research to date points to the adenosine antagonist (a pathway that leads to an increased production of adrenalin, which stimulates energy production and improves blood flow to the muscles and heart) as the most likely mechanism behind caffeine’s effects.

Nenhum comentário:

Postar um comentário