Follow by Email

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Licor a mexicana e conversa fiada ( Mexican coffee liqueur and chatter)



Nesta segunda-feira comecei a tecer um comentário sobre a dependência em energia elétrica do atual estagio civilizatório humano. Além de nossa dependência em energia elétrica já temos outra vicio e a utilização de “n” recursos da internet e dos computadores em geral em nossas vidas.

Hoje praticamente dependemos de varias ferramentas disponíveis nestas engenhocas maravilhosas para gerenciar nossa vida profissional e particular.



A pouco mais de 20 anos toda está parafernália não existia e era apenas ficção cientifica de filmes do estilo “Star Trek” ou “Admirável Mundo Novo”.

Hoje é um fato inexorável da vida o uso de computadores em todos os setores e atividades humanas. Já temos até dependência física e psíquica no uso destas maravilhas do gênio humano.

Como o filho de uma prima me perguntou pouco tempo atrás do que eu brincava no computador quando era da idade dele. Minha resposta o deixou com a pulga através da orelha e foi perguntar para minha prima se era verdade que quando eu ou ela éramos crianças não existia internet e computadores eram monstrengos imensos acessíveis apenas aos conglomerados comerciais e perdidos em algum lugar do prédio da matriz.



This Monday I started to make a comment about reliance on electrical power of the current stage of human civilization. In addition to our dependence on electricity we have already had another addiction and the use of "n" computers and internet resources in General in our lives.

Today practically depend on various tools available in these wonderful gizmos to manage our private and professional life.

Just over 20 years all paraphernalia is not existed and was just fiction style movie "Star Trek" or "Brave New World".

Today is an inexorable fact of life the use of computers in all sectors and human activities. We’ve already had physical and psychological dependency on the use of these wonders of human genius.


A little cousin asked me recently than I played on the computer when I was his age. My response left him with the flea by ear and was asking for my press if it was true that when I or she kids there was internet and computers were huge monsters accessible only commercial conglomerates and lost somewhere in the building of the array.

Mexican Coffee Liqueur



300 ml de água/ 300 ml water
100 g de café gourmet em pó / 100 g coffee gourmet (powder)
500 g de açucra granulado / 500 g granulated sugar
1 vagem de baunilha / 1 split vanilla bean
825 ml vodka
225 ml conhaque/ 225 ml brandy
10 ml de xarope de chocolate / 10 chocolate syrup





1.

Aquecer a água em uma panela média. Quando estiver quente, adicione café e mexa até dissolver. Adicione o açúcar e baunilha, mexendo bem para combinar. Levar a ferver, mexendo sempre. Reduza o calor imediatamente assim que ferver ,manter em fogo baixo durante um minuto. Retire do fogo e esfrie até ficar morno e peneirar.

Heat water in a medium saucepan. When hot, add coffee and stir until dissolved. Add sugar and vanilla bean, stirring well to combine. Bring to boil, stirring constantly. Immediately reduce heat so that a very low boil is maintained for one minute. Remove from heat and cool to lukewarm.

2.

Coloque a vodka e conhaque em recipiente para envelher. Adicione a mistura de café arrefecido e o extrato de chocolate. Mexa bem. Deixe em local fresco e escuro por 3 semanas

Pour vodka and brandy into aging container. Add the cooled coffee mixture and the chocolate extract. Stir well. Cap and let age in a cool dark place for 3 weeks.

3.

Após o envelhecimento inicial, passe o licor através de um filtro revestido de pano sobre uma tigela grande. Repita até ficar na cor desejada seja atingida. Deixe em repouso por 3 meses.

After initial aging, strain liqueur through a cloth-lined wire-mesh strainer over a large bowl. Repeat until desired clairity is reached. Bottle, cap and let age an additional 1-3 months.


Nenhum comentário:

Postar um comentário